Canyoning Rio Vessadas

Passeio 4×4 Aldeias do Xisto Lousã
Canyoning Rio Frades

Canyoning Rio Vessadas

Manhouce, S. Pedro do Sul


Descrição

Actividade que implica a descida a pé da ribeira de Vessadas (Manhouce), com recurso a saltos para a água, tobogãs, destrepes, descidas em rapel e travessias por dentro de água. Este canyoning é bastante acessível e recomendável para grupos mais jovens ou grupos de grandes dimensões, pois é pouco técnico, mas muito lúdico. O canyoning inicia-se junto ao local de encontro no Poço da Barreira que tem várias formas de transposição, como tobogã e salto. No 2º ressalto é possível fazer um rapel com 4 metros de altura. Sucedem-se vários ressaltos que são normalmente transpostos em salto e tobogã, sendo o maior de 15 metros transposto com rapel. Esta ribeira tem belíssimas lagoas verdes de água límpida que convidam aos saltos. No final, o regresso a Manhouce é feito por outro afluente, a ribeira de Manhouce, subindo a ribeira e passando pelo Poço da Silha. Esta caminhada é a parte mais difícil do canyoning. No canyoning é fornecido pela organização o seguinte material: fato de neoprene, meia de neoprene, equipamento de proteção individual (capacete, arnês, descensor), mochilas próprias, sacos e bidons estanques. Épocas recomendadas: primavera e verão (Maio a Setembro).


Duração: 3h

Carregue nas fotografias para ver melhor!

Actividade que implica a descida a pé da ribeira de Vessadas (Manhouce), com recurso a saltos para a água, tobogãs,
destrepes, descidas em rapel e travessias por dentro de água. Este canyoning é bastante acessível e recomendável para
grupos mais jovens ou grupos de grandes dimensões, pois é pouco técnico, mas muito lúdico.
O canyoning inicia-se junto ao local de encontro no Poço da Barreira que tem várias formas de transposição, como tobogã e
salto. No 2º ressalto é possível fazer um rapel com 4 metros de altura. Sucedem-se vários ressaltos que são normalmente
transpostos em salto e tobogã, sendo o maior de 15 metros transposto com rapel. Esta ribeira tem belíssimas lagoas verdes
de água límpida que convidam aos saltos. No final, o regresso a Manhouce é feito por outro afluente, a ribeira de Manhouce,
subindo a ribeira e passando pelo Poço da Silha. Esta caminhada é a parte mais difícil do canyoning.
No canyoning é fornecido pela organização o seguinte material: fato de neoprene, meia de neoprene, equipamento de
proteção individual (capacete, arnês, descensor), mochilas próprias, sacos e bidons estanques. Épocas recomendadas:
primavera e verão (Maio a Setembro).